a maior desrespeitadora de mim mesma

me disseram a vida toda que eu não poderia sofrer
que meus problemas eram muito pequenos
hoje eu tenho vergonha de falar o que eu sinto
fui condicionada a me calar sobre o que eu sofro
porque é pequeno demais
só que nessa história
quem ficou pequena foi eu
e eu tô cansada de ser pequena
tô cansada de não ser levada a sério
de só ser valorizada quando estou fazendo algo aceitável pela sociedade
tô cansada também de não me levar a sério
de me deixar ser sugada por essa onda de falsas certezas
de hipócritas recompensas
de utilitarismo disfarçado de amor
cansada de ser a maior desrespeitadora de mim mesma
cansada de não encontrar a solução
nesse problema matemático que nenhuma matemática resolve

e principalmente cansada de não puder descansar

sarita bruta

//pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js


(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s